Minha Viagem Inesquecível: Dara Diniz

O nome dela é Fabiana Diniz, mas aposto que você a conhece como Dara. Com uma carreira brilhante no handebol, a pivô Dara é Capitã da Seleção Feminina de Handebol e joga há mais de 15 anos. A atleta já participou de Pan Americanos, Olimpíadas e tem passagem por vários clubes brasileiros e europeus.

Foi campeã Panamericana e Sulamericana na categoria júnior por duas vezes, e campeã Panamericana duas vezes, além de ter participado de diversos campeonatos no Brasil e no mundo. Com uma carreira tão impressionante, Dara já viajou pelo mundo e conheceu muitas culturas e lugares diferentes. Veja abaixo a história da Viagem Inesquecível da Dara Diniz!

Dara Diniz
Foto: Inovafoto

Nome: Fabiana Diniz
Apelido: Dara
Idade: 34 anos
Profissão: Atleta de handebol

Dara, qual foi a sua viagem preferida ou inesquecível?

Minha viagem preferida foi a Austria, Viena.

Com quem você viajou?

Na verdade, acabei indo morar lá para jogar.

Gosta de viajar sozinha ou acompanhada?

Acompanhada é sempre melhor…

Quanto tempo ficou?

Morei lá por dois anos.

Quantas vezes já foi para esse lugar?

“Algumas muitas” vezes [risos]. O fato de passar a morar há uns 25 km de Viena me deu a oportunidade de ir bastante.

Onde se hospedou, hotel, apartamento, hostel ou ficou na casa de alguém?

Nos primeiros dias na casa de uma amiga e logo já no meu apartamento.

Quais passeios que você recomenda?

O Palácio de Schönbrunn é simplesmente lindo… Recomendaria ir no inverno, com neve, e no verão. São paisagens impressionantes fora do Palácio, e por dentro um show de cultura e história. Dá pra se sentir vivendo em outra época.

E restaurantes?

Eu diria que é preciso comer uma costela de porco assada, é maravilhosa! E eu não sou fã de carne de porco, mas essa costela vale muito a pena! [risos] Em Viena mesmo existem vários restaurantes especializados nesse prato, não saberia dizer o nome de um agora, mas estando lá todos podem indicar um bom na região onde você se encontra.

Huum, que delícia lembrar!

Quais pontos turísticos você conheceu?

O Palácio de Schönbrunn, Tiergarten Schönbrunn, Donauturm, entre outros. Como acabei por morar lá conheci quase tudo. Estando em Viena, é preciso ir a uma ópera. Mesmo quem não é apaixonado por música clássica, eu diria para ir pelo menos uma vez. É realmente algo bonito de ouvir e ver.

Você prefere viajar no verão ou inverno?

Depende muito. Por ser brasileira amo o verão, mas existem lugares belíssimos para se conhecer no inverno em estado puro, com muita neve por exemplo.

Tem alguma história engraçada que aconteceu na viagem ou conheceu/encontrou com alguém que nunca imaginou? Ou ainda, alguma curiosidade do local?

Viena é um lugar pelo qual tenho muito carinho e lembrarei para sempre, foi onde conheci meu marido. Viena pra mim está associada ao meu grande amor.

Qual a sua média de viagens por ano?

Viajo muito por conta da minha profissão, tanto com o clube quanto com a seleção. Acabo viajando o ano todo.

Qual o lugar que você sonha em conhecer ou qual é seu próximo destino?

Amo o Brasil… Meu sonho é conhecer Fernando de Noronha.

Qual dica você considera fundamental que o leitor do Melhor Embarque conheça para economizar quando for para este lugar?

Fazer visitas durante a semana, já que os lugares turísticos tem preços diferentes para finas de semana. Outra coisa, quase todos os restaurantes te oferecem “menu do dia”, que é muito bom em relação preço x qualidade, se come muito bem e sempre com opção de três ou quatro pratos para escolher, sobremesa e café.