Ótimas notícias para quem está planejando a viagem para o Catar!

No dia 05/06/2017 os governos dos Emirados Árabes acusaram o Catar de apoiar o terrorismo, e por isso os país membros dos Emirados Árabes decidiram romper relações diplomáticas com o Catar, em decorrência dessa decisão, todas as fronteiras com o país foram fechadas.

Em decorrência desse acontecimento, diversos voos de/para Doha, a capital do Qatar, foram cancelados e é claro que o turismo local sentiu o golpe. Para amenizar a situação o país facilitou a entrada de diversas nacionalidades, incluindo brasileiros, que passaram a retirar o visto na chegada, no próprio aeroporto de Doha.

Isso facilitou bastante, mas ainda exigia o pagamento de uma taxa de aproximadamente R$ 94 reais, além de diversas outras condições obrigatórias como passaporte com validade mínima de 6 meses, bilhete aéreo de ida e volta, reserva de hotel, e dinheiro equivalente a 1.500 dólares (aproximadamente R$ 5.000) ou cartão de crédito internacional.

Tantos requisitos ainda estavam dificultando a vida de muitos turistas, principalmente em relação a validade do passaporte. Procurando contornar a crise no turismo do país , eles decidiram liberar de vez a entrada para o visitantes, algo que realmente vai ser de bastante ajuda não só para os Brasileiros, mas para vários outros viajantes.

Ao total 80 nacionalidades já contam com a isenção do visto (visa waiver), essa lista que foi liberada ontem, felizmente inclui nós brasileiros, que agora podemos visitar o país sem visto por até 30 dias, numa única visita ou em múltiplas entradas. E, se preciso, é possível estender a isenção por mais 30 dias.

O visto do Catar era um dos principais entraves para o desenvolvimento do turismo local, já que diante da burocracia e custos muita gente acabava desistindo. Com a nova regra muita gente vai aproveitar o fato de estar voando com a Qatar Airways para conhecer mais um destino.

E aí bem legal essa mudança né? Que tal fazer uso da isenção e visitar o Catar nas suas próximas férias? Para mais informações sobre esse caso continue atento ao nosso blog, estamos sempre de olho nas novidades! Aproveite para se inscrever na nossa newsletter gratuitamente logo abaixo.