Transporte de animais de estimação: Como leva-los a bordo e o que fazer com eles na viagem

Deixar os animais de estimação em casa, quando se viaja para longe, pode ser motivo de preocupação para seus donos. Na maioria das vezes esses animais são vistos como parte da família, e seus donos podem enfrentar situações atípicas como uma viagem longa ou uma mudança de cidade. Nesses casos, como proceder para levar o pet na cabine? E o que fazer com os animais de estimação quando eles estão a bordo?

De maneira geral, as companhias aéreas permitem as viagens de avião para animais, mas há muitas regras e tarifas para transporta-los. Algumas companhias liberaram a viajem no interior da cabine, junto com os passageiros, outras apenas permitem o transporte no porão. Os custos e taxas cobrados também variam de uma companhia aérea para outra, mas há um procedimento igual para todas, a apresentação da carteira antirrábica. Essa deve atestar a saúde e limpeza do animal. Conheça os procedimentos de cada companhia para levar seu animal de estimação na viagem. Leia mais.

 Regras gerais para levar o seu cachorro, gato ou outros animais de estimação na cabine do avião:

É regra geral que o passageiro apresente a carteira de vacinação antirrábica do animal, a qual atesta que ele está saudável e limpo para realizar a viagem. A vacina precisa ter sido aplicada há mais de 30 dias e há menos de um ano do embarque. Há também um número limite de animais aceitos no interior do avião por voo. Atingido esse limite, só é possível leva-los no porão.

Todas as companhias cobram taxa para o embarque dos animais, exceto para o cão-guia que pode seguir ao lado de seu dono em qualquer voo gratuitamente.

Para evitar surpresas na hora do embarque, a recomendação é que o passageiro entre em contato com a central de Vendas da aérea para informar o peso do animal com antecedência superior a 24 horas do horário do voo. Em todos os casos, é exigida reserva com esse tempo de antecedência.

Quando permitidos dentro da cabine de passageiros, os animais viajam embaixo do banco de seus donos. Devem ser acomodados de um jeito que não atrapalhem a circulação de pessoas no corredor e não obstruam as saídas de emergência. Além disso, as caixas, apropriadas para transporte durante todo o voo, devem ter piso absorvente, furos para respiração e tamanho grande o suficiente para que o bichinho dê uma volta em si mesmo. As especificações de dimensão da caixa variam de uma empresa para outra.

Conheça as regras específicas de algumas de companhias aéreas para viajar com o animal de estimação na cabine do avião:

Azul: A taxa cobrada é de R$ 140,00 por trecho. O animal deve pesar no máximo  5kg e pode seguir viagem dentro de um container rígido ou de uma mala flexível com dimensões de até 43 cm de comprimento por 31,5 cm de largura e 20 cm de altura. Cada passageiro pode levar apenas um animal por vez. A Azul transporta no máximo três a bordo, durante um voo. O animal pode ir no colo do cliente ou no pé do passageiro, dentro do contêiner.

 TAM: Para viajar com animais de estimação pela TAM, a taxa é de R$ 90,00 mais o total do peso do animal e da caixa multiplicado pelo valor correspondente a 0,5% da tarifa cheia do trecho a ser voado. O peso máximo do animal, juntamente com a caixa, não pode exceder a 10Kg e o contêiner deve ter dimensões máximas de 36 cm de comprimento por 33 cm de largura e 25 cm de altura. Vale lembrar que filhotes com menos de oito semanas não embarcam. Animais de médio e grande porte com peso acima de 45Kg podem viajar no porão da TAM Cargo.

GOL: A taxa é de R$ 90,00 mais o total do peso do animal e da caixa multiplicado pelo valor correspondente a 1% da tarifa cheia do trecho a ser voado nesta companhia. O peso máximo do animal, juntamente com a caixa, não pode exceder a 30Kg e o contêiner deve ter dimensões máximas de 135 cm de comprimento por 122 cm de largura e 86 cm de altura. Animais de estimação podem viajar no mesmo avião, mas em compartimentos separados dos demais passageiros. Animais com peso acima de 30Kg podem viajar na Gollog. Outro pré-requisito é que o animal tenha mais de quatro meses. Só aceitam até dois animais por voo (exceto em caso de filhotes da mesma ninhada de pequeno porte e que pertençam ao mesmo dono).

Avianca: A taxa de serviço é de R$ 100,00. O peso máximo é de 8Kg. Só são aceitos três animais por voo. As dimensões da caixa são de 25 cm de altura por 26 cm de largura e 40 cm de comprimento. Caso o peso máximo seja ultrapassado, a Avianca não fará o transporte do animal.

TAP: A taxa cobrada pelo serviço é de 150 euros em voos intercontinentais na cabine, mas os valores variam em diferentes destinos, em voos dentro de Portugal, para viagens no porão e para viagens como carga. O peso máximo é de 7 Kg. A caixa deve ter as dimensões de no máximo 48 cm de comprimento por 32 cm largura e 25 cm altura. O bichinho vai embaixo do assento do passageiro responsável. Durante voos longos é permitido o embarque de até nove animais. Não é permitido o ingresso na Europa de animais com menos de três meses. É preciso levar comida e água para toda a viagem. Será cobrada tarifa de excesso de bagagem pelo peso do animal e contêiner, mesmo que o passageiro não leve bagagem. Por razões de segurança, todos os animais que excederem as dimensões e/ou peso permitidos, viajarão no porão pressurizado.

TURKISH AIRLINES: O valor da taxa de serviço será equivalente a uma peça de excesso. O peso máximo do animal com a caixa é de 8 Kg, os que excederem esse peso viajam no porão da aeronave. As dimensões da caixa são de até 35 comprimento por 23 cm de largura e 45 cm de altura. O animal vai no pé do passageiro e, o dono, se desejar, ainda pode comprar um assento extra para colocar o pet ao lado. São permitidos até dois animais por cliente. Filhotes de cães e gatos com menos de oito semanas de idade e que ainda estão amamentando não podem ser transportados (entre oito e 12 semanas necessitam de confirmação veterinária). Não serão transportados pela Turkish Airlines: Pit Bull Terrier Americano, Staffordshire Terrier Americano, Bull Terrier, Staffordshire Bull Terrier, Tosa Japonês, Dog Argentino e Doberman.

Não são especificados os tipos de animais de estimação que podem estar a bordo do avião. Apenas a Turkish Arlines informa uma exceção para algumas raças de cachorro.

Com essas dicas de como levar seus animais de estimação na viagem, você pode curtir seu passeio tranquilo e com seu pet a bordo do avião.

 

  • Ramon

    Gostei.